Contra a Criação de uma secção de Tauromaquia no Conselho Nacional de Cultura


Tendo vindo recentemente a público o anúncio da criação de uma secção de tauromaquia no Conselho Nacional de Cultura, o PPA exorta todos os seus apoiantes e simpatizantes, bem como todos aqueles que se opõem à barbaridade que constitui a indústria tauromáquica no nosso país, a assinar esta petição, cujo objectivo é levar a questão a plenário na Assembleia da República e impedir a canalização de dinheiros públicos para esta actividade violenta e retrógrada, que nada tem a ver com cultura.
Assine e divulgue: Petição

Obrigado!


Carta Aberta do Centro Vegetariano ao Ministério da Cultura sobre a Criação de uma secção de Tauromaquia

Chegou ao conhecimento do Centro Vegetariano – Associação Ambiental para a Promoção do Vegetarianismo a intenção do Ministério da Cultura criar uma secção de tauromaquia no futuro Conselho Nacional de Cultura.

No estádio de desenvolvimento da Europa, surpreende-nos a ideia de considerar cultura uma actividade como a tauromaquia, cuja actividade central é um negócio sustentado pela humilhação e violência contra animais em praça pública. Lamentamos que dinheiros do erário público sejam aplicados de forma tão pouco educativa e digna, quando há tanto ainda para fazer pela Cultura em Portugal.

Sondagens com rigor estatístico (ex. Estudo “Valores e Atitudes face à Protecção dos Animais em Portugal”, realizado entre Fevereiro e Março de 2007, pela Metris GfK/CIES/ISCTE, ou sondagem DN/Marktest de 25 de Julho de 2002) demonstraram já que a maioria dos portugueses repudia a tourada e, inclusivamente, é favorável à ideia de que estas sejam proibidas em todo o país. Isto é um louvável e notório indício da evolução da consciência social dos Portugueses. Esperamos, portanto, que o Ministério da Cultura e o Governo Português sigam esta tendência e não avancem com o projecto referido, indo ao encontro do que os Portugueses desejam e do que os restantes cidadãos da Europa esperam de nós.


Carta enviada para:
Ministério da Cultura
gmc@mc.gov.pt

Com Conhecimento (Cc) para:
pm@pm.gov.pt,
gab.mp@mp.gov.pt,
gp@ps.parlamento.pt,
gp_ps@ps.parlamento.pt,
gp_psd@psd.parlamento.pt,
gp_pp@pp.parlamento.pt,
cds-pp@cds.pt,
blocoar@ar.parlamento.pt,
bloco.esquerda@bloco.org,
gp_pcp@pcp.parlamento.pt,
pcp@pcp.pt,
gp_pev@pev.parlamento.pt,
pev.correio@pev.parlamento.pt

Fonte: Centro Vegetariano

“É dito que o que nos separa dos animais é a inteligência. Parece-me estranho é que essa “inteligência” seja responsável por tanto sofrimento que o homem inflige constantemente a seres que, tal como ele, têm um sistema nervoso central capaz de perceber a dor. Todos os dias a violência, os maus tratos, a destruição de ecossistemas, o consumo excessivo da carne, de productos derivados – que muitas vezes são unicamente utilizados como acessórios de beleza ou espectáculos de violência gratuita – vão pondo cada vez mais em causa a sobrevivência não só dos animais como a nossa, e em ultima análise a do próprio planeta.

Se usássemos a tal inteligência de uma forma correcta compreenderíamos que o mal que causamos está a levar-nos para um mundo cada vez mais dificil. Compreenderíamos que vivemos em estreita interdepêndencia com todos os nossos amigos animais. Compreenderíamos que a nossa relação para com eles tem a ver com aquilo que somos interiormente.

É por isto que fico muito feliz por estar a ser constituído um partido por pessoas que ousaram usar a nossa inteligência humana não para nos separar mas sim para nos aproximar dos animais, dando-lhes voz. Assim penso que nos aproximaremos de um mundo possível. Um mundo em que deixemos de ser animais predadores e destrutivos para encontrarmos o verdadeiro sentido da expressão Ser Humano.”

Heitor Lourenço – Actor/ Apoiante Partido Pelos Animais


Declaração Pública da Associação dos Amigos dos Animais de Vila Franca de Xira


A Associação dos Amigos dos Animais de Vila Franca de Xira (AAAVFX) recusou quaisquer donativos por parte do Festival Taurino, agendado para o próximo dia 28 de Fevereiro em Vila Franca de Xira.
Os defensores dos animais de todo o mundo congratulam a AAAVFX pela decisão e encorajam todos a ajudar esta associação, para que possa ajudar mais animais.
http://aaa.leziria.com/
NIB: 003600489910008053995
aamigosanimaisvfx@gmail.com



DECLARAÇÃO PÚBLICA DA AAAVFX


A Associação dos Amigos dos Animais de Vila Franca de Xira declara que
RECUSA e recusará sempre, qualquer contrapartida financeira de qualquer
iniciativa relacionada com actividades tauromáquicas, nomeadamente do
Festival Taurino a realizar no próximo dia 28 de Fevereiro, em Vila
Franca de Xira.
A Presidente da Direcção,
Maria Telma Ferreira
aamigosanimaisvfx@gmail.com
25 de Janeiro de 2010






Festival Taurino a favor da Associação dos Amigos dos Animais de Vila Franca de Xira


A Tauroleve e a Associação da Casa dos Forcados Amadores de Vila Franca de Xira, estão a organizar um Festival Taurino no dia 28 de Fevereiro, na Praça de Vila Franca de Xira, para angariação de receitas a favor da Associação dos Amigos dos Animais de Vila Franca de Xira.


Refere a organização do espectáculo que 50% do lucro reverterá para a Associação dos Amigos dos Animais de Vila Franca de Xira, de forma a apoiar na construção de um local de abrigo para os animais que a associação tem à sua guarda.


Contactos:
– Associação dos Amigos dos Animais de Vila Franca de Xira (usar formulário de contacto)
– Tauroleve – Sociedade Tauromáquica Letra da Neta, Lda: tauroleve@gmail.com
– Forcados Amadores de Vila Franca de Xira


Fonte: Festival Taurino a favor da Associação dos Amigos dos Animais
Link: Associação dos Amigos dos Animais de Vila Franca de Xira
Fonte: EVANA

Chovem críticas a tourada a favor de animais abandonados

Metade da receita será entregue à Associação dos Amigos dos Animais.
No próximo dia 28, realiza-se em Vila Franca de Xira um Festival Taurino, cujas receitas revertem, em parte, para a Associação dos Amigos dos Animais do concelho. A organização não vê “nada de estranho” nesta decisão, mas as críticas não se fizeram esperar.
A organização do Festival Taurino está a cargo da Associação da Casa dos Forcados Amadores de Vila Franca de Xira e conta com o apoio da Tauroleve, empresa concessionária da Praça de Toiros Palha Blanco, que cede gratuitamente o espaço para o evento.
Metade das verbas angariadas reverterá a favor da entidade organizadora (que almeja abrir um espaço museológico) e a outra metade será entregue à Associação dos Amigos dos Animais de Vila Franca de Xira, instituição de utilidade pública desde 1995, que se debate com grandes problemas financeiros e de falta de condições de acolhimento para centenas de animais abandonados.
Este terá sido um dos motivos que deu origem ao festival, de acordo com Vasco Dotti, cabo dos forcados amadores de Vila Franca de Xira. “Sei das dificuldades com que a associação se debate todos os anos e que ainda não conseguiu construir um canil de raiz, devido à falta de verbas. Por isso, apresentámos esta ideia aos responsáveis da associação, que a aceitaram”, explicou, ao JN.
Associação já não quer verbas
Na sequência, as três entidades assinaram um protocolo e os preparativos arrancaram, estando já confirmada a presença do maestro Victor Mendes e do novilheiro Nuno Casquinha. Só que a Associação dos Amigos dos Animais voltou atrás com a palavra.
Ao JN, Maria Telma Ferreira, presidente da Direcção, referiu que a associação foi bastante criticada por entidades congéneres e particulares e, por isso, decidiram não aceitar o dinheiro. Em comunicado divulgado na última semana, a mesma responsável afirma que associação “recusa e recusará, sempre qualquer contrapartida financeira de qualquer iniciativa relacionada com actividades tauromáquicas, nomeadamente este Festival Taurino. Mas Vasco Dotti garante que o festival vai realizar-se tal como sempre esteve planeado, até porque há um protocolo assinado e o material publicitário está já na gráfica. A divulgação do evento foi já feita na imprensa e nos sites ligados à tauromaquia, tanto em Portugal como em Espanha.
“Não entendo o porquê das críticas. As pessoas ligadas à tauromaquia também se preocupam com os animais. E há muitos defensores dos animais que são aficionados”, frisa Vasco Dotti.
Opinião diferente tem, por exemplo, a Associação Animal. “A ser verdade que essa instituição vai beneficiar de um festival que tortura animais, consideramos que tal é moralmente condenável”, diz Rita Silva, a presidente. “Sabemos as dificuldades pelas quais passam as associações, mas isso seria o mesmo que uma associação de protecção de crianças receber dinheiro de uma associação de pedófilos”

Fonte: JN


Festival Taurino a favor da Associação dos Amigos dos Animais gera polémica

4/2/2010
Tauroleve e a Associação da Casa dos Forcados Amadores de Vila Franca de Xira uniram-se numa iniciativa conjunta de angariação de fundos para a Associação dos Amigos dos Animais de Vila Franca de Xira construir um canil.


A associação aceitou, mas veio agora recusar os fundos por pressão de várias entidades de defesa dos direitos dos animais(…)


A Associação Animal considerou porém que a aceitação da verba seria “moralmente condenável”. Segundo a presidente Rita Silva, apesar das dificuldades pelas quais passam as associações, “isso seria o mesmo que uma associação de protecção de crianças receber dinheiro de uma associação de pedófilos”….

Portugal: Festival Taurino a favor da Associação dos Amigos dos Animais de Vila Franca de Xira (pt)



Receita para construir um novo canil foi recusada
Festival Taurino a favor da Associação dos Amigos dos Animais gera polémica

foto
Tauroleve e a Associação da Casa dos Forcados Amadores de Vila Franca de Xira uniram-se numa iniciativa conjunta de angariação de fundos para a Associação dos Amigos dos Animais de Vila Franca de Xira construir um canil. A associação aceitou, mas veio agora recusar os fundos por pressão de várias entidades de defesa dos direitos dos animais.





A Associação dos Amigos dos Animais de Vila Franca de Xira vai recusar o donativo proveniente do Festival Taurino – agendado para o próximo dia 28 de Fevereiro, na Praça de Touros Palha Blanco, em Vila Franca de Xira – ao contrário do que tinha decidido inicialmente.
A polémica instalou-se depois da associação ter aceite receber o donativo da iniciativa conjunta da Tauroleve e Associação da Casa dos Forcados Amadores de Vila Franca de Xira, que tinha como objectivo doar 50 por cento dos lucros para a Associação dos Amigos dos Animais de Vila Franca de Xira, que iria utilizar essa verba para construir o tão ansiado canil para os muitos animais abandonados no concelho de Vila Franca de Xira.


Os fundos provenientes de um festival taurino geraram de imediato a revolta de várias associações nacionais (e até mesmo internacionais) de defesa dos direitos dos animais, que pressionaram a associação a recusar a verba e agendaram uma reunião de urgência, no dia 27 de Janeiro. A reunião foi agendada a pedido do Partido pelos Animais (Lisboa), na Junta de Freguesia, mas a entidade não compareceu à reunião agendada, nem nenhuma das associações nacionais de protecção aos animais que se insurgiu contra a iniciativa.


A presidente da Associação dos Amigos dos Animais de Vila Franca de Xira emitiu de imediato um comunicado, através do site na Internet, esclarecendo que a direcção “recusa e recusará, sempre qualquer contrapartida financeira de qualquer iniciativa relacionada com actividades tauromáquicas, nomeadamente este Festival Taurino”. Telma Ferreira explicou a O MIRANTE que tudo não passou de “um acto irreflectido, feito com a melhor das intenções. A direcção da associação viu neste donativo a solução para uma questão que se arrasta há muitos anos e inocentemente pensámos que esta verba poderia resolver o problema porque o prazo para construção do canil estava ultrapassado, sem pensar na proveniência”, explica.


A câmara municipal cedeu um terreno com 2500 metros quadrados para construção do canil a 23 de Junho de 2004, em Castanheira do Ribatejo, tendo a associação o prazo de cinco anos para construir o abrigo para os animais. “Compreendo que foi uma atitude precipitada, mas pensámos que íamos ficar sem o terreno e nem reflectimos sobre as consequências de aceitar este donativo. Era algo que para nós não tinha nada a ver com os toiros de morte. Era apenas uma festa de beneficência, mas entendo agora o erro que cometemos e obviamente não podemos aceitar essa receita, que é contrária aos princípios das associações de apoio aos animais”, sublinha a presidente.


A Associação Animal considerou porém que a aceitação da verba seria “moralmente condenável”. Segundo a presidente Rita Silva, apesar das dificuldades pelas quais passam as associações, “isso seria o mesmo que uma associação de protecção de crianças receber dinheiro de uma associação de pedófilos”.
Apesar de aceitar as acusações, Telma Ferreira critica a atitude das entidades que apontaram o dedo à atitude da associação “mas não apareceram na reunião para ajudar a criar alternativas para a construção do canil”.


Ana Câncio, da escola de toureio José Falcão, lamenta a decisão e lastima “as campanhas terroristas de intimidação e as pressões” de que foi alvo da Associação dos Amigos dos Animais de Vila Franca de Xira. “Há cães e gatos abandonados a proliferar pelas ruas de Vila Franca de Xira e tenho pena que a associação não tenha conseguido superar esta prova de força, mas acho que já seria de esperar”, explica. “Em relação ao festival taurino faz parte da nossa tradição e penso que o problema é só porque a vida do touro acaba na arena. Porque muitos outros animais, como vacas leiteiras, sofrem durante toda a vida uma crueldade constante e diária e nós não vemos este mediatismo”, realça com convicção.


Vasco Dotti, dos Forcados Amadores de Vila Franca de Xira, garante que o espectáculo não vai ser cancelado e adianta que já estão confirmadas as presenças do Maestro Victor Mendes e do novilheiro Nuno Casquinha. “O que tentámos fazer foi uma festa de beneficência para resolver os problemas da associação”, justifica. O forcado adianta ainda que a intenção era “lançar a primeira pedra do projecto do canil, o qual teve grande adesão por parte dos ganaderos”.
Com a recusa da verba do Festival Taurino, mantém-se o problema de falta de financiamento para a construção do canil, cujo prazo já foi ultrapassado. “Este é um problema grave e neste momento precisamos muito que surja outro benemérito que nos ajude a tornar este sonho em realidade”, sublinha a presidente da Associação dos Amigos dos Animais.


Entretanto a Câmara de Vila Franca de Xira já fez saber que mantém a total disponibilidade para perpetuar a cedência do terreno, para o fim ao qual foi destinado.
O MIRANTE tentou contactar o Partido Pelos Animais, mas não obteve qualquer resposta até ao fecho desta edição.


O MIRANTE



VILA FRANCA DE XIRA 25-02-10

Tourada para ajudar animais está a gerar polémica


Tourada para ajudar animais está a gerar polémica
Grupo de forcados propôs à Associação dos Amigos dos Animais a realização de uma tourada para angariar fundos, mas pressões levaram a instituição a recusar
A tourada para angariar fundos para a construção de um canil da Associação dos Amigos dos Animais de Vila Franca de Xira (AAAVFX) que causou polémica realiza-se no domingo. Mas parece não haver consenso quanto ao destino das verbas. É que enquanto a AAAVFX se nega a receber o dinheiro, a Associação da Casa dos Forcados Amadores da cidade garante que as verbas serão mesmo usadas na construção do canil.
O desentendimento teve início quando o espectáculo começou a ser divulgado e várias associações nacionais e internacionais de defesa dos animais pressionaram a AAAVFX para esta recusar a ajuda, o que acabou por acontecer. A organização do festival tauromáquico quer doar 50% dos lucros para a construção do canil, ou seja, espera entregar 30 mil euros.
A direcção da AAAVFX, que começou por aceitar a doação, decidiu há cerca de um mês recusar o dinheiro angariado pela tourada. “Agradecemos mas não vamos querer um tostão”, garante a presidente da associação, Telma Ferreira. A dirigente confirma que receberam muitos telefonemas a pressionar para que a associação re- cusasse o dinheiro do festival e a oferecer ajuda.
Apesar de a associação recusar o dinheiro, as entidades organizadoras do evento garantem que vão contribuir na mesma para a construção do canil, que já está pendente há cinco anos. “A partir do momento em que assinámos o protocolo vamos fazer o espectáculo e o primeiro objectivo é a construção do canil”, defende Ricardo Levezinho, responsável da empresa que gere a praça de touros de Vila Franca de Xira.
No entanto, pode já ter sido encontrada uma solução para fazer chegar o dinheiro ao seu objectivo. Vasco Dotti, dos Forcados Amadores de Vila Franca de Xira, explica que foi proposto à Junta de Freguesia que aceitasse a verba e criasse uma conta específica para construir o canil. Depois caberá à junta “gerir a situação de forma a que o canil seja construído”, acrescenta o forcado.
Em cima da mesa parece estar também a hipótese de a asso- ciação aceitar os donativos de-pois da tourada de forma não oficial, refere Vasco Dotti. O elemento dos forcados que sugeriu este evento para ajudar a associação dos amigos dos animais adianta, contudo, que, se o organismo aceitar o dinheiro, irá tornar essa informação pública. Isto porque, “não quero que fiquem dúvidas quanto às verbas”, indica.
A directora da AAAVFX confessa que num primeiro momento não pensou nas consequências e que apenas queria encontrar uma solução para os animais abandonados que já não têm lugar no canil da instituição. Mas associações de defesa dos animais já afirmaram que consideram imoral que a AAAVFX aceite dinheiro de um espectáculo como a tourada.
No entanto, o grupo de forcados e a empresa que gere a Praça de Touros Palha Blanco rejeitam as acusações de que não são amigos dos animais. “Que fique claro que nós gostamos de animais”, sublinha Vasco Dotti. O forcado diz que até percebe as opiniões contra a tourada, mas deixa claro que não considera que tourear um touro seja “magoar um animal”.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: