Ativistas pedem penas mais severas para quem abusa de animais nos EUA

Campeões com a lei Buster se reuniram no Hudson Valley Community College, recentemente, dez anos após a aprovação da lei, a fim de discutir punições mais severas para quem abusa de animais. Defensores dizem que viajamos um longo caminho até aqui, mas a lei não é suficiente para proteger animais e humanos.


Gatinho vítima de abuso é socorrido

Gatinho vítima de abuso é socorrido (Foto: News 10)

“Aqueles que abusam de animais e cometem crueldades estão a apenas um passo de fazer o mesmo com humanos”, disse Donna Reynolds, uma estudante de leis pelos animais na HVCC.

Estudantes, ativistas e o deputado James Tedisco dizem que a necessidade em expandir a lei Buster é grande.

“O filho de Sam, Ted Bundy, Dahmer, todos os assassinos seriais tinham um histórico de abuso de animais e o FBI usa isso como parte de um perfil”, Tedisco disse.

A lei Buster fez a matança de um animal virar crime por lei em 1999. O tutor do gato torturado com fogo diz que a morte de Buster não foi em vão.

“Buster sobreviveu por três semanas, e eu acho que todos podiam ouvir aquele choro”, disse a tutora de Buster, Nancy Bonesteel.

Mas nem todos os animais estão incluídos na lei. Dawn Feathers mostrou ao povo fotos do assassinato cruel de sua égua, Skye. A maior parte do tempo em que o assassino passou na cadeia foi sob acusação de um roubo.

“Ela tinha sete ou oito facadas do lado esquerdo e sangue por todos os lados”, Feather disse.

O grupo pede mais tempo de prisão do que os dois anos da lei Buster. Eles também querem que a lei inclua todos os animais, para impedir criminosos de ter animais e forçá-los a uma avaliação psiquiátrica.

“Eu acho frustrante que qualquer pessoa que ame os animais veja tantas coisas no noticiário e não veja o desenrolar do caso, não veja as penas sendo severas como deveriam ser em crimes contra belos animais”, disse Steve Carporizzo, o chefe meteorológico da News 10, que está empenhado em defender os animais.

O deputado Tedisco está buscando apoiadores para começar petições e mandar cartas aos senadores.

A lei Buster ficou pendente por 10 anos antes de se tornar uma lei propriamente dita. Pessoas naquela época não esperavam que seus esforços gerassem mudanças.

Fonte: News 10

via  ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: