Posts Tagged ‘energia’

Greenpeace lança campanha para que o Facebook use energia renovável

A ONG Greenpeace iniciou nesta segunda (22) campanha para que a rede social Facebook tenha uma política mais verde, utilizando energias renováveis. O título escolhido para campanha foi: “Queremos que o Facebook utilize energia 100% renovável”.

A razão desta movimentação é que o Facebook anunciou a construção de um centro de dados em Oregon/Estados Unidos cuja energia será suprida a partir do carvão – uma das fontes que mais contribui para o aquecimento global.

Centros da dados consomem grande quantidade de energia para armazenar os conteúdos de seus usuários. Com o crescimento das redes sociais, a tendência é o crescimento da demanda de energia. Se o Facebook continuar com sua política de energia “suja”, estará contribuindo cada vez mais com o aquecimento global.

A ONG chama os simpatizantes da causa para participarem através do LINK

Fonte: Aqui Acontece

via Planeta Vegetariano

Anúncios

Google pode comprar e vender energia

A partir de amanhã o Google poderá comprar e vender energia.

A autorização foi assinada na quinta-feira pela U.S. Federal Energy Regulatory Commission (FERC), agência que regula a rede elétrica nos Estados Unidos.

Além de permitir que o gigante das buscas gerencie seus próprios gastos com energia, a medida também abre caminho para que a empresa adicione a comercialização à sua rede de serviços.

O arquivo (em PDF) com a autorização deixa claro que a Google Energy, subsidiária do Google, não possui unidades geradoras ou distribuidoras de energia.

Apesar de parecer incomum, outras empresas já conseguiram autorizações similares. Em 2007, por exemplo, o Wal Mart lançou sua Texas Retail Energy, uma empresa que não só abastece as lojas naquele estado americano como também vende energia aos consumidores.

Os planos do Google, apesar de não revelados, parecem não ser voltados ao comércio de energia aos seus usuários. Há algum tempo, a empresa anuncia que seu objetivo a longo prazo é se tornar neutra nas emissões de carbono e, uma medida como essa, dá maior autonomia para se utilizar energias renováveis.

Além disso, também deve ajudar a reduzir os enormes gastos com a conta de luz que o Google tem para manter seus servidores funcionando.

Fonte: Info

via Planeta Vegetariano