Posts Tagged ‘peles’

Couro é pele? É orgânico? É mais chique e resistente? Vem da vaca que se come?

vacaCOURO = PELE = MORTE!
Couro é pele que foi arrancada de um animal (muitas vezes ainda vivo, dependendo da técnica utilizada para a esfola). Couro não é artigo de luxo, é carcaça de animal morto, cheia de produtos químicos, altamente tóxicos, para esta não apodrecer.

O que sobra desta indústria do couro acaba a ser lançado às nossas terras e águas. Proveniente da exploração humana, os empregados que trabalham no curtume do couro, ficam doentes devido a esses químicos utilizados.

No entanto existem muitas alternativas: nylon, algodão, flanela, fibras sintéticas, poliester, seda sintética, etc. Saiba mais sobre o este tipo de “material”. Continuar a ler

Anúncios

Questão de pele e de evolução

Os livros de História da moda dizem que o homem se cobriu por um (ou dois, ou todos) desses três motivos:

– para se proteger da natureza (frios, tempestades, ventanias)

– por pudor (Alô, Adão e Eva!)

– para se enfeitar

Por que eu contei isso? Bom, porque eu queria falar sobre os casacos, saias, acessórios de pele que pipocaram pelas últimas semanas de moda internacionais.

Inverno 2010 de: (1) Louise Gray; (2) Isaac Mizrahi; (3) J. Mendel; (4)Erin Wasson x RVCA; (5) Cynthia Steffe; (6) Alexandre Herchcovitch; (7) Ralph Lauren; (8) Jason Wu

Inverno 2010 de: (1) Louise Gray; (2) Isaac Mizrahi; (3) J. Mendel; (4)Erin Wasson x RVCA; (5) Cynthia Steffe; (6) Alexandre Herchcovitch; (7) Ralph Lauren; (8) Jason Wu

Falar sobre casacos de pele é sempre um problema. A discussão acaba  girando em torno dos pobres bichinhos sendo sacrificados e a gente nem para pra pensar se existe realmente um sentido em usar a “superfície” de alguém para se cobrir e/ou enfeitar.

A verdade é que o uso da pele como vestimenta aconteceu lá na Pré-História. Diz que na sequência evolutiva da moda, primeiro o pessoal usou folhas e, depois, a pele dos animais. O couro veio mais tarde ainda!! As primeiras vítimas “fashion” foram os ursos e as renas. Acreditem ou não, a pele era mastigada para ficar macia e ser usada mais dignamente como casaco.  Quando os “fashionistas/homem das cavernas” ficaram mais espertinhos, os oléos e as gorduras de animal substituíram os dentes e a saliva (ecaa) na hora do amaciamento… O óleo também servia para deixar o mimo impermeável. Como não tinha costura, para “juntar” uma pele com outra, eram usadas as garras dos animais, fios de crina de cavalo e (pasmem) tendões. Continuar a ler

Guitarrista Dave Navarro tira a roupa para defender animais

O guitarrista da banda Jane’s Addiction, Dave Navarro, tirou a roupa em defesa dos animais. O anúncio é da organização não-governamental americana PETA (People for the Ethical Treatment of Animals).


  Foto: Divulgação

Na foto, o rockstar aparece nu, cobrindo as partes íntimas com as mãos e exibindo suas tatuagens, na qual se lê as frases: “Ink, not mink. Be comfortable in your own skin and let animals keep theirs”, que pede para que as pessoas prefiram tatuagens aos casacos de pele, salvando a vida de muitos animais.

De acordo com o site Just Jared, Navarro declarou ao PETA que há alguns anos assistiu a um vídeo de animais sendo escalpelados e ficou horrorizado com as cenas. “Foi, honestamente, a coisa mais desumana que já vi. Fiquem longe dos casacos de pele e de produtos testados em animais. É muito simples apoiar ou comprar algo que não brutalize os animais dessa forma”, aconselhou o guitarrista.

Dave Navarro, em campanha contra produção de casacos de pele

via √єgєταяīαηīىмσ э Éтicα™®

A cantora Leona Lewis se manifesta contra o uso de pele de animais

Leona Lewis é vegetariana e defensora dos direitos animais (Foto: Contact Music)

A cantora de ‘I Got You’, famosa pelas suas fortes opiniões sobre o vegetarianismo, classificou a loja de departamentos Harrods como retrógrada e admite ter recusado a oportunidade de abrir suas vendas por causa de suas crenças.


Leona disse: “Eles me ofereceram dinheiro para abrir suas vendas, mas eu disse ‘não’ porque eles estocam pele”.
Leona Lewis é vegetariana e
defensora dos direitos animais
(Foto: Contact Music)
“Este é um dos poucos lugares que ainda fazem isso, eu acho que é um retrocesso, é muito mau e cruel. Eu definitivamente defendo o que eu acredito quando se trata de direitos dos animais.”
Semana passada a cantora forçou os donos do BRITS (festa anual de prêmios da música britânica), com a ameaça de não participar do evento, a mudarem o menu do festival, retirando foie gras e inserindo opções vegetarianas.
A cantora de 24 anos ainda acrescentou: “Acho que muitas pessoas pensam ‘ela é muito tímida’. Isso é um grande equívoco. Quando as pessoas me conhecem sabem que isso não é verdade. Tenho opiniões fortes e luto pelo que acredito ser correto.”

via ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais.

Twiggy condena uso de peles na Semana da Moda de Londres

Londres, 24 fev (EFE).- Twiggy, a famosa modelo britânica dos anos 60, condenou nesta quarta-feira durante a Semana da Moda de Londres o uso de peles de animais.

Twiggy condena uso de peles na Semana da Moda de Londres

Aos 60 anos, a modelo disse que as peles com as que circulam algumas manequins nas passarelas são de animais mantidos em “condições desumanas”.

Utilizar 20 raposas e 80 visons para fazer um só casaco é de “uma crueldade intolerável”, opinou.

“Fico triste com o fato de alguns estilistas continuarem utilizando animais para compor as peças”, acrescentou a modelo.

Segundo Twiggy, cujo nome é Lesley Hornby, um novo relatório da organização “Animal Defenders International” denuncia os milhares de animais utilizados no mundo da moda.

O diretor da ONG, Jan Creamer, expressou sua decepção pelo fato de que em passarelas como Londres e durante a Semana da Moda de Nova York, vários estilistas continuem usando peles autênticas, ignorando a sua origem a partir da morte de animais.

via EPA

Peles no festival de Sundance


Wesley Snipes

O blog de moda masculina vegana The Discerning Brute, publicou uma postagem lamentando a presença de peles no vestuário de algumas celebridades masculinas presentes no evento, que aconteceu entre os dias entre 21 e 31 de janeiro em Park City, Utah, Estados Unidos.
Entre os flagrados usando peles arrancadas de animais ainda vivos, criados ou capturados em seu próprio habitat, estavam Ashton Kutcher , Wesley Snipes, Nick Cannon e Nick Hogan.
Há pessoas que dizem que gostam da textura de peles. Mas para o animal capturado, a sensação mais próxima da ‘textura da pele’ é a de um dedo amassado depois de ficar preso na porta de um carro.

Nick CannonNick Hogan

Ativistas tiram a roupa em Espanha contra uso de peles de animais

Militantes cobriram-se de sangue de mentira em Madrid.
Eles mostraram fotos de animais em risco em ato na Porta do Sol.



Foto: Reuters

Ativistas pró-direitos dos animais cobrem-se de sangue de mentira durante protesto na Porta do Sol, em Madri, neste domingo (21). (Foto: Reuters)

Reuters/Reuters

Os ativistas tiraram a roupa e mostraram fotos de animais ameaçados para alertar contra o uso de peles na moda. (Foto: Reuters)